quinta-feira, 23 de julho de 2009

Me derramar

Não senti por isso sequer ousei desperdiçar.
Eu só queria me derramar.
Aproveitar aquele arrepio, me perder.
Te pedir pra me entreter.
Te fazer sussurar sem querer!
Não pedirei para parar.
Você sim pede para eu ir devagar.
Calma nada, que se dane o teu respirar!
Poxa, eu só quero me derramar.
Sem palavras mal ditas.
Definições e frases escritas.
Feche os olhos e sinta a minha mão.
Suave mas enfática como um furacão.
Não interprete, eu só quero me derramar.
Rir do seu precipitado cansar.
Ta certo eu vou parar, ao menos tentar.
Mentira, eu irei fracassar.
Num dá!!
Quando vc relaxar vou estar a te roubar.
Tomando teu fôlego ao te beijar.
Te apertando até vc fraquejar.
Mas é só porque quero me derramar.

4 comentários:

Poetíssima disse...

'Calma nada, que se dane o teu respirar! '

Te gosto de graça!
Abraços!

Manu disse...

Lindo!!!!!

Karla Moreno disse...

very deep!!

Beijos grandiosos querida, e uma semana linda pra você!
Kakau =)

Poetíssima disse...

Cadê tu?!