quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Acordes

Seus acordes me fazem sorrir.
Encanta-me certinho.
Toque(me) venho pedir.
É delírio esse carinho.
Cada dedo no violão.
Hum, arrepio esse maior-menor.
A minha cintura sem dó.
E tua voz complementa essa paixão.
Alise a curvatura do instrumento.
Não me apaixonar, juro que tento.
Feche os olhos no acorde sentimental.
Versos de amor, aquecendo o fatal.
Seus acordes fazem-me sorrir.
E a cada nota venho sentir.
Encanta-me sem perceber.
Só assim posso ilusoriamente te ter.
Toque.
Minh´alma.
Meu coração com calma.
Assopre meu dessassosego.
Distraia meu medo.
Teus acordes, meus sutis.
Particulares sentidos servis.
Vivo deles,cantantes intrínsecos.
Seus acordes.

8 comentários:

O Profeta disse...

Acordes...perdidos entre dois sentires...


Texto fabuloso...


Doce beijo

Fê Colcerniani Justo disse...

Hum, que delicioso de ler...
Muito bom
Até

Karla Moreno disse...

É (sempre) prazeroso ler seus textos! adoro.

Ótimo carnaval!
Beijos,
Kakau.

Keidy Lee Jones disse...

"Toque.
Minh´alma.
Meu coração com calma.
Assopre meu dessassosego.
Distraia meu medo."

Perfeito o/ Lindo.
Beijos.

Keidy Lee Jones disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tangerina disse...

'Não me apaixonar, juro que tento.
Feche os olhos no acorde sentimental.'

Lindo ♥

Henrique disse...

Acordes, parece mensagem subliminar!

Acordes

Fê Colcerniani Justo disse...

Nossa, tá sumida hein? Voltaaa