quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Vai minha paixão.

Vai minha paixão.
Não deixa a brasa dessa chama se apagar.
Sopra poeira nesse precipício.
Prende meu sorriso eternamente.
Arranca as presilhas do bom senso.
Vai minha paixão.
Brota palavras em frases de coração.
Desalinha os pontos do meu sentido.
Derrama loucura nos meus poros.
Vai minha paixão.
Revira-me pelas vontades cruciais.
Beija-me partículas na monotonia diária.
Arrepia jogando ao alto as folhas secas do medo.
Vai minha paixão.
Me transforma, me injeta.
Veste-me as sandálias desse fogo que me deixa queimada.
Vai minha paixão.
Não se importe com julgamentos diversos.
Enrijeça meus músculos sem tormentos.
Preencha-me com toda sua complexidade.
Vai minha paixão.
Dispa-me apontando tuas incomparáveis asas.
Me faça flutuar na tua inebriante doçura.
Perfuma-me com tuas fragâncias alucinantes.
Vai minha paixão.
Enjaula minha força meio bruta.
Expõe as garras do meu melhor enternecer.
Vai, derradeira no caminhar evolutivo.
Minha paixão sem crivo.
Simplesmente vai minha paixão.

7 comentários:

Gauche disse...

Eu sempre passo por aqui, e dentre tantas detalhes, um dos que mais me agrada são as rupturas dos sentidos unívocos que você consegue fazer com as palavras.

Ai, há tantos poemas. Mas há poucas poeias.

Gauche disse...

Eita mania de ler meus comentários depois de postá-los...

arranque aquele 'a' intrometido da onde deveria estar o 'o'. E pegue nas mãos do 's' de poesias que ficou para trás.

Obrigada ;)

Tato Barba disse...

Sua poesia, por algum motivo, fez-me lembrar da canção "Chega de Saudade"... rsrs

Quanta intensidade e desvario!

Não é, mas poderia ser "Do amor demais"... =]

Abraço

(marta entre parênteses) disse...

lindo,moça.
..adoro particulas as particulas no meio da monotomia..
dao gosto de viver.

;*

Keidy Lee Jones disse...

Amo sensações desse tipo... intensas e boas.

Lindo poema.

Keidy Lee Jones disse...

Selo para você no meu blog.

Liquificadorizando disse...

Vai poeta, continua escrevendo lindamente e apaixonadamente!

Beijos